O sol pousou no mar

Para além da linha do horizonte,eu via o Sol.
Sol alaranjado,vermelho talvez,mas era o Sol.
Sol que outrora iluminava toda a face da minha terra,deixava agora longas sombras do lado
de lá das casas velhas e baixas.
E o Sol estava cada vez mais perto do Mar…
Era como se alguma coisa fosse acabar,quando desaparecesse aquela imensa e brilhante estrela.
Sentada numa pedra, a mais alta que encontrei naquela praia, que há tanto tempo me detinha, eu sentia-me como “no cimo do mundo”….e olhava…
olhava …e admirava…
Aquela vista de alquimia parecia alimentar-me os sonhos…
Sonhos que comparo á vida,vida que contra nós corre,pois o tempo não perdoa…
E o Sol continuava a baixar…Faltavam milimetros apenas,no meu conceito,para que tudo se apagasse.
Mas o Mar parecia não querer esse final…mantinha-se fiel á vida.
Suas ondas apenas manifestavam a sua presença, cumprimentando a praia.
Até que por fim,
“O Sol pousou no Mar”,e acordei….

Autora : Maria José

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Calendário

    • Maio 2009
      M T W T F S S
           
       123
      45678910
      11121314151617
      18192021222324
      25262728293031
  • Pesquisar